Bora reciclar?!

Você sabia que o Rio de Janeiro é um dos municípios do Brasil que tem as melhores leis e estruturas para reciclagem? O curioso é que os números da reciclagem na nossa cidade são baixíssimos! Menos de 2% dos resíduos sólidos são reciclados. A nossa cidade joga fora todos os dias 2 Estádios do Maracanã, lotados, até o teto, de lixo. Cada carioca produz em média 1,5kg de lixo, por dia! A situação do lixo no Brasil e no mundo, esta ficando tão grave, que a ONU prevê que até 2050, os oceanos tenham mais plástico do que peixes. Além disso, o plástico que vai pros aterros sanitários e lixões, não desaparece.

O copinho descartável, que você usa por apenas alguns minutos,  pode levar até 400 anos, pra se decompor na natureza! E ele nunca desaparece por completo. Ele se transforma em nano partículas, invisíveis, que vão parar nos rios e mares. Essas ‘nano’ partículas quando entram em contato com o calor, soltam substâncias tóxicas, cancerígenas. Estamos nos envenenando e  envenenando nossos filhos!

Se nossa a cidade tem leis e estruturas tão eficientes para reciclar, porque reciclamos tão pouco?… Bem, existem muitas respostas mas uma delas é: Ninguém ensinou e não existem grandes campanhas.

Em 2010 nasceu a Lei Nacional de Resíduos Sólidos. Ela co-responsabiliza fabricantes, comerciante e consumidores, pelo descarte correto dos resíduos e rejeitos. Ah! Esqueci-me de dizer… Lixo não é lixo. Ou é resíduo, ou é rejeito! Rejeito é fácil de saber o que é… Não tem jeito! É fralda, absorvente, papel higiênico sujo, restos de alimentos, tudo que suja, fede e dá bicho, é rejeito. O resíduo é aquilo que pode ser reciclado e virar outra coisa. É o papelão, papel, latinhas de metais, plásticos, garrafas pet, etc.

A boa noticia é que a nova lei acabou com a confusão das latas coloridas. Agora você só precisa de duas: Uma pros resíduos (recicláveis) e outra pros rejeitos. Os resíduos devem estar secos para serem descartados e isso deve ser feito em sacos plásticos translúcidos! Sacos de lixo pretos podem render multa pra você, e ao seu condomínio. Para descartar os recicláveis não é preciso lava-los, só o que mela. Tipo latinha de leite condensado.

Vários condomínios do nosso bairro têm coleta seletiva. E vocês acreditam que a maioria dos meus vizinhos não faz nem a separação básica?… É triste! Mas dá pra mudar isso, com  carinho, informação e educação. Podemos ajudar a natureza a nos ajudar. Então… vamos começar a mudar o mundo de dentro da nossa casa?!

Mande suas perguntas que iremos atrás das respostas e entre em contato pra nos ajudar a mobilizar pontos de coleta, em lugares públicos. A revista Recreio Em Foco quer ser um portal de informações e serviços. Queremos mobilizar moradores, comerciantes, escolas, grupos religiosos e clubes, nesse desafio! Cuidar do nosso lixo é uma forma de amar as pessoas, é zelar pelo futuro dos nossos filhos. Então… Vamos juntos nessa?

 

– Luiza Sarmento –

Jornalista com foco em sustentabilidade, consumo consciente e simplicidade voluntária, para o Canal Mais Orgânica, o Instagram, Facebook e o Youtube, e ainda, colunista colaboradora da Revista Recreio Em Foco.

×